8 de novembro de 2006

A morte

As vezes me pego pensando em coisas bestas, e não entendo como ainda não fui internada num hospício...talvez seja por não ter cura mesmo....

Hoje minha cabeça entrou em looping ao pensar no lado pratico da morte, e cheguei à seguinte conclusão: Minha vida ficará exposta se eu morrer e muita gente vai invadir meu espaço.

Tenho q deixar sempre tudo preparado...pq qndo eu morrer alguem ira invadir minha privacidade e vai conhecer todas as minhas anotações em papel, todos meu objetos pessoais, e todos os arquivos em meu PC.

Não que eu tenha grandes segredos, mas já pensou que chato alguem abrindo minha gavetas de calcinhas e vendo que eu tenho uma calcinha velha de algodão toda desbotada?Descobrir que existem triangulos das bermudas pela casa?

Outra coisa que pensei, quem verificará meus emails??? Muita gente me encaminha emails e já está acostumada a não receber resposta. Não respondo a maioria dos emails que recebo....
E meu orkut? Quem vai responder os recados??? Ficará ali um perfil que não é o que sou e será assim que eu serei lembrada...

Coisas assim... quem ficará com meus CDs? Alguem gostará deles?? E meus DVD's?? Sabe aquela camiseta que a Luiza pintou? Tá escrito mamãe, não servirá pra ninguem... vão jogar fora... E aqueles sabonetes que nem são meus, que estão no guarda roupa?? Quem vai entender alem do dono, o porque deles estarem ali??

Não estou deprimida, nem triste.. só comecei a viajar nessas coisas praticas da vida material pós morte.. e tomei uma decisão.... no proximo fim de semana irei desfazer de tudo que não uso, e manter minha vida sempre assim.. preparada para a morte...

Alguem ai já reparou que sempre nos preocupamos com o que vão pensar da gente, mas nunca nos preparamos para o que pode acontecer quando desencarnarmos? O trabalho que vai dar para outros juntarem nossas coisas, sem contar que é muito sofrimento manusear coisas de quem já foi.

Lembro quando uma tia de um tio meu faleceu, varias pessoas entraram na casa dela, e riam das coisas q ela tinha guardado... ela como eu, morava sozinha e juntava coisas, guardava... coisas as vezes a não tinham explicação para os outros e pra ela deveria ter muito significado.
Meu Deus, o que vão pensar quando verem que eu tenho pela casa mais de 5 tesouras espalhadas??? O que vão achar quando encontrarem um cordão de protetor auricular num potinho de acrilico? Pra ninguem tem logica.. mas eu sei porque ele está lá... E a pedra no banheiro... vão achar que é lixo, mas não é.. foi cortada pelo meu pai... para lixar o pé.. é aquela pedra pommes sabe?

Ninguem sabe , mas eu odeio coroa de flores, velas, crucifixos.... não quero isso no meu velorio, alias, não quero velorio..... quero morrer e ser enterrada o mais rapido possivel.. ser velada uma noite inteira é horrivel...
Quanto as flores, não me mande coroas, mande rosas vermelhas colombianas, é mais barato, e são as minhas prediletas.;... doem meus orgãos... o que prestar ..pq o pulmão e o figado já estão comprometidos.....rsrs
Velas e coroa de flores, de novo.. não permitam que sejam colocados junto ao meu caixão.E quero ser enterrada do lado do meu pai... lá no cemiterio do Morumbi

Minha casa, bem............ aqui eu gostaria apenas que minha mãe entrasse, arrumasse as coisas. No maximo meus irmãos.. só os três.... mais ninguem.....

Meus DVDs, esses eu gostaria que ficassem com a Luiza, e ela depois de grande decidiria o que fazer com eles... as fotos impressas tambem...

Nossa isso ta parecendo uma despedida.. mas não é... é só uma reflexão do aconteceria se eu morresse hoje.Teria trabalho aqui...

Quanto a mim, eu sei que tambem daria trabalho no plano superior, por falta do cigarro...e por ser cheia de defeitos desse plano, mas não tenho medo, pois eu sei que Deus existe e tem algo preparado para mim. Quem sabe não seja nesse plano espiritual que eu irei viver o meu amor em sua plenitunite? Rever meu pai e meu avô?


Aproveitarei cada segundo de experiencia nesse planetinha, de evolução.. mas tenho que deixar tudo preparado sempre, como se fosse o ultimo dia aqui.

Apenas para dar uma logica nisso tudo, comecei a pensar nisso hoje , quando soube de uma moça com a mesma idade que eu, que faleceu sem aviso previo, deixando tudo ai... para quem ficou arrumar....



Eita cerebro doido que não para de processar besteiras......


.




12 comentários:

enio disse...

It's propably the ciggies.

Lilica Maltrapilha disse...

it's true..
hahahahah

Thom® disse...

The ciggies? Hahaha.

Lilica Maltrapilha disse...

yehhhhhh

comentario mais q pertinente do Sr. Enio...

Juliana Romano disse...

deixa o vestido japones pra mim

Dennão! disse...

Hahahahahaha!! Eu ia sentir tua falta......... mas não ia ficar pegando calcinha furada ninguém não!!!!!!

Kinho disse...

Que texto engraçado, nunca parei pra pensar em nada disso, realmente existe muita coisa que nós não queremos que os outros vejam, mas depois da morte vão arrumar tudinho, jogando um bando de coisa que damos valor fora... Que doidera!

Anônimo disse...

Ainda bem que para se resolver todos esses problemas praticos da vida existem TESTAMENTO!!!!...Ou os ultimos desejos da FINADA DEFUNTA...RS...
Acho que por aqui no blog vc ja deixou mais ou menos tudo ajeitado...entaum relaxa um pouco e deixa o seu aparelho de DVD pra mim tá?....rs...e as calçolas de algodão a gente deixa pros FLANÉLINHAS...kkk

Marcelo

Anônimo disse...

Ainda bem que para se resolver todos esses problemas praticos da vida existem TESTAMENTO!!!!...Ou os ultimos desejos da FINADA DEFUNTA...RS...
Acho que por aqui no blog vc ja deixou mais ou menos tudo ajeitado...entaum relaxa um pouco e deixa o seu aparelho de DVD pra mim tá?....rs...e as calçolas de algodão a gente deixa pros FLANÉLINHAS...kkk

Zanchetta

Anônimo disse...

Ainda bem que para se resolver todos esses problemas praticos da vida existem TESTAMENTO!!!!...Ou os ultimos desejos da FINADA DEFUNTA...RS...
Acho que por aqui no blog vc ja deixou mais ou menos tudo ajeitado...entaum relaxa um pouco e deixa o seu aparelho de DVD pra mim tá?....rs...e as calçolas de algodão a gente deixa pros FLANÉLINHAS...kkk

Zanchetta

André Luiz disse...

Gostei da sua reflexão. Me fez lembrar uma canção do Ben Jor que tem uma cacofonia que lembra "quero subir vivo pro céu".

Ora, se o nosso corpo que é o maior símbolo nosso enquanto vivos é enterrado, cremado etc, quanto mais aquelas nossas estimações q só são nossas.

Eu acho que num me importaria nenhum pouco com as minhas coisas. A final, depois de morto todo mundo é gente boa (independente com os flagrantes que encontrarem em nossas gavetas).

O que eu queria mesmo era que o legado não fossem coisas, mas idéias, estilos, percepções, conciência, relacionamentos de amizade verdadeiros, fé, inspiração, conceito novo de humildade... (eita papo careta, né? mas é que para mim o viver é cristo e o morrer é lucro)

Ly, sinceramente, de sopetão, queria falar um monte de coisa pra vc, mas acho que vc vai me entender.

Beijos com saudades, por causa da distância (e trata de ir arrumar a casa pq tu tá viva, mulher! hehehe)

Lilica Maltrapilha disse...

Ju

esse vestido te dou em vida



Dennis

minhas calcinhas velhas servem ainda de bandeirinha SJoão



Kinho


Todo mundo pensa sobfre a morte , mas ninguem escreve... pois é..
eu escrevo sobre tudo..vida, amor , morte ,solidão, felicidade e SUCO,...AhUAhUhuHuHauHUahUhUhAU

Lelão


o dvd é teu



Dé,

To viva sim, e por isso q sabadão vou me livrar de tudo q não me serve...
dessa vida eu levo só o q me será util depois...